Bluesão mostra as evidências de censura no YouTube motivada por neo ateus

7
2

@

O Bluesão como sempre é uma figura.

Neste vídeo, no entanto, ele caprichou ao mostrar em detalhes o padrão dos truques feitos por Yuri Grecco e sua tropa pra banirem os vídeos que se oponham ao neo ateísmo e ao próprio Yuri no YouTube.

Dica especial: quem quiser usar o plugin Video DownloadHelper, poderá baixar todos os vídeos do YouTube a que assistir.

Qual a vantagem disso? Simples. Se deletarem o vídeo de Bluesão to YouTube, poderemos subi-lo de novo, pois esse software baixa todos os vídeos que assistirmos no computador.

Clique aqui para baixar o software.

Esse vídeo do Bluesão já foi baixado para o meu disco rígido.

Se os neo ateus provocarem a censura desse vídeo, subo-o de novo.

Anúncios

7 COMMENTS

  1. O programa “vdownloader” também serve para isso e é muito bom. A única coisa ruim é que ele te oferece trocentos programas de empresas associadas, então você não pode sair apertando “sim” para tudo, automaticamente, durante a instalação. Nada é instalado sem sua anuência, então basta ficar ligado e baixar e instalar SÓ o vdownloader. Muito bom, prático e fácil.

  2. Luciano ,parece que ele não seguiu as diretrizes do youtube , incluso não botar o nome dos caras no títulos,usa os vídeos dele ,etc…
    bom eu não conheço as regras do youtube direito mas isso não parece furada não…até pq o conde não teve nenhum dos vídeos dele censurado ,visto que ele não fica mencionando demais e botando nomes e caras no vídeos dele ,imagino eu ,pq como bom advogado ele leu as regras …

    vendo esse cara ai e o junior masters também q eu já tinha visto,posso dizer que o único que faz um combate 100% eficiente ao vlogs neo-ateus é o conde , o resto vem meio misturado com algumas doideras

    abraços

  3. To pensando em abrir uma igreja ateísta para arrecadar dinheiro destes ateus modinhas babacas, o dinheiro arrecadado será usado para a causa humanista, ou seja a minha causa humanista. O Pastor Yuri Greco mostra que é fácil copnseguir “ovelhas”.

  4. Luciano, fora que eu descobri esses dias redutos de ódio neo-ateu na internet, finalmente descobri o tipo de lugar onde eles preferem se encontrar, e como não podia deixar de ser, vários desses locais são antros de imoralidade e perversão sexual que até uma criança acessa com facilidade, são sites como 4chan e reddit (esse é leve na questão sexual pelo que vi) e outros “imageboards”, geralmente eles conversam usando o irc, onde podem tramar vandalismos contra cristãos sem quase ameça de serem rastreados.
    Eles geralmente entopem forums sobre jogos, inclusive eu fiquei de boca aberta com as ofensas aos cristãos permitido em fóruns de grandes produtoras de jogos como a norte americana “bioware”, ofensas permitidas até pela moderação contratada pela empresa, digo isso por que muitos cristãos compram um simples jogo e ao participar de um forum desse, notam as ofensas e não conseguem se opor à quantidade, são obrigados a se calar pelo volume das ofensas (geralmente indiretas) que recebem da turba…

    Ps: Eu não tenho duvidas que o yuri grecco usa desses meios para recrutar e organizar pessoas de mente fraca, sujestionaveis e aquelas que antes descrevi sofrerem de trauma diante da humilhação covarde que sofreram dos próprios neo-ateus (geralmente pre-adolescentes e adolescentes de formação cristã, a humilhação é feita na escola, fora dos olhos dos pais)…

    Um caos MUITO preocupante, pois sabemos sem nenhuma dificuldade que por exemplo, que um grupo de pessoas partilhando ódio são capazes de fazer qualquer atrocidade por se sentirem apoiadas e impunes no “anonimato” (estão disfarçadas no meio desse grupo), por exemplo:

    * Uma torcida de time de futebol, planejando espancar um pequeno grupo de uma torcida advesária, que está desprotegido.

    * Jovens de famílias de classe média-alta que resolvem botar fogo em mendigos, ou qualquer um que durma da rua por dificuldades financeiras (índio Galdino, como referencia)

    * Pessoas de uma vizinhança que partem para espancar e matar uma outra pessoa apontada aleatóriamente como estupradora (sem nem ao menos saber se a acusação é verdade).

    * etecetera…

    • Igor — você poderia citar os “canais de IRC” preferidos pelos trolls neo-ateus? E eles estão disponíveis através da rede Freenode? O_o

      Eu nunca usei o IRC, principalmente por causa do estilo telegráfico forçado das comunicações, o qual parece induzir a ( e/ou reforçar ) um certo “bitolamento” típico na grande maioria dos programadores e nerds, — mas o Google de vez em quando me leva a alguns “logs de conversações” entre os maiorais do movimento open-source, mas até agora, não encontrei qualquer referência à trollagem neo-ateísta campeando especificamente nesse meio O_o

      ( TALVEZ o próprio Google trate de *ocultar* esses resultados para os usuários comuns, o que NÃO É improvável, como já sabemos ).

      Quanto ao vandalismo nos fóruns de jogos, isso eu já sabia, porém eu nunca tive curiosidade suficiente para conhecer de perto os detalhes sórdidos -.-

      • A comunicação não é diretamente pelo canal, o canal funciona mais como um ponto de encontro comum, quando há planejamento, isso é feito em chat particular.

        Aqui o canal reddit: http://webchat.freenode.net/?channels=#reddit

        a proposito, vale a pena colocar a sessão “atheism” (deveria ser neo-atheism pelo conteudo apresentado) deles:

        http://pt.reddit.com/r/atheism/

        O 4chan: #4chan

        Eu também não gosto de irc, mas seguindo o caminho óbvio dos lugares que eles fraquentam e do que conversam pela net, vária vezes ví neo-ateus adolescentes mencionarem o 4chan em comentários, locais como irc, forums de jogos e bate-papo de jogos multiplayer ( bate papo ingame)*, são os lugares onde eles discutem mais abertamente seus propósitos…

        *Ps: Foruns de jogos e chat ingame de multiplayers eu já presenciei pessoalmente, até no jogo minecraft eu vi pessoas destilando ódio contra cristãos e incentivando os outros a “trollarem”**.

        **Ps2: E não se engane, a motivação de ódio deles não necessita grande planejamento, apenas uma reunião em suposto anonimato, um basicamente chega e aponta para os outros: “ei! olha só esse vídeo desse cristão idiota falando merda! Vamos negativar!”, então a massa de manobra acessa o vídeo e vandaliza (o apelo também pode ser emocional como, “ei pessoal! esse cristão falou mal da gente!”)…

Deixe uma resposta