Humorista Helio de La Penã levou a capa da Época ao merecido ridículo

1
36

Um fenômeno certamente receberá a atenção em futuros estudos sobre comportamentos políticos: a direita janotista. Basicamente, é um setor da direita que começou a alimentar uma fé apaixonada em uma elite jurídica nomeada pelo PT, principalmente o PGR Rodrigo Janot (nomeado por Dilma).

Claro que isso não significa inocentar Temer, mas ao mesmo tempo não se pode aceitar o seletivismo de gente como Janot, Fachin e Joesley, que parecem dedicados a fazer o brasileiro perceber que Lula seria um santo.

Se o fim de semana dava a impressão de que a capa da Época destruiria Temer de vez, o que aconteceu foi o contrário: muitos começaram a suspeitar da narrativa de Joesley, que tentava transferir as culpas de Lula para Temer. A fé de parte da direita janotista começou, então, a ficar abalada.

Em complemento, o humorista Helio de La Penã (do Casseta & Planeta) sintetizou bem a entrevista de Joesley: “Temer é corrupto, fato. Mas Joesley ficou bilionário durante o governo Lula corrompendo só o futuro vice da Dilma? Estranho…”.

Essa foi apenas a primeira das ridicularizações lançadas sobre a capa da Época. A situação de fato só pode ser tratada na base da piada, razão pela qual o post do humorista viralizou.

Agora entramos em um colapso de narrativas, com resultados imprevisíveis: se Temer é o “chefe” do esquemão, como fica aquela apresentação com Power Point feita por Deltan Dallagnol e outros procuradores da Lava Jato? Se Temer é o chefão do esquema, então Lula não seria.

Que venha o conflito de narrativas, oras!

Anúncios

1 COMMENT

  1. Helio de La Pena sobre a entrevista de Joesley: “Temer é corrupto, fato. Mas Joesley ficou bilionário durante o governo Lula corrompendo só o futuro vice da Dilma? Estranho…”.
    E complemento:
    Logo mais em 2018 teremos os candidatos.

    Então o futuro vice de quem for vitorioso, tal qual Temer, e o candidato que vai ficar em segundo lugar, tal qual Aécio, já estão sendo corrompidos hoje.
    Quem são eles?

Deixe uma resposta